Feed on
Posts
Comments

Para Eline Kullock, o que define uma geração é um determinado modelo mental. Se o modelo mental não muda, não há como identificar uma nova geração chegando ao mercado. Ainda não é possível detectar ou visualizar um modelo mental diferente entre os jovens de 15 a 20 e entre os de 20 e 25. Portanto, não se pode dizer que os “Z” sejam uma nova geração vai entrar no mercado de trabalho. Para a especialista, essa é uma continuação da geração Y. Talvez, em alguns anos, vejamos uma tendência maior, em função das mudanças climáticas, para um modelo mental que valorize e respeite mais as questões ambientais, que não é o foco da geração Y. Porém, isso seria antecipar o futuro, que é uma coisa muito difícil.

2 Responses to “O que é Geração Z?”

  1. Welington disse:

    Boa tarde, discordo em parte deste pequeno comentario sobre as gerações.
    A geração Y em si conta uma preocupação com responsabilidade e a qual assume e a quer de tal forma que seja reconhecido por isso, sendo assim a responsabilidade social é sim uma das preocupações da geração Y, até pq vivemos em meio aos desastres causados pela utilização desenfreada dos recursos que possuimos, sendo assim, preocupamos-nos com o ambiende demais, e em segundo, essa geração Z que nos sucede é uma geração mais de ctrl Z, ou seja, para tudo voltam atras, são muito dependentes desta geração X e Y, estes que buscavam o desenvolvimento e também na Y a especialização, frutos de tamanho estudo e dedicação, nasceram os Zs, vale assimilar também ao ZZZZZZ dos quadrinhos, onde conota o sono ou uma pessoa dormindo.
    muito bom o site.
    parabéns..

  2. Ricardo Joris disse:

    Para mim que sou pai de uma menina, vejo com olhos de preocupação esta geração Z, evasiva da realidade, e o quanto os pais permitem que assim seja.
    Vamos chegar ao ponto de só conseguir nos comunicar com esta rapaziada por meio dos computadores e outros canais eletrônicos, pois através do contato presencial vai ficar cada vez mais difícil!
    http://gatosepapos.blogspot.com/2011/03/papo-z.html

Deixe Seu Comentário